Ir para o conteúdo

Prefeitura de Divinópolis e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Divinópolis
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUL
06
06 JUL 2021
SAÚDE
Nota de Esclarecimento - Vacinação contra Covid-19 de aeroportuários e tripulantes
A Prefeitura de Divinópolis, por meio da Diretoria de Comunicação, vem a público esclarecer sobre a vacinação contra a Covid-19 de aeroportuários e tripulantes. A Secretaria Municipal de Governo recebeu, da administração do Aeroporto Brigadeiro Antônio Cabral, a listagem de pessoas que teriam direito à vacinação contra a Covid-19. Mesmo com a listagem, todas as pessoas em que o nome estava na lista tiveram que justificar, através de documentos ou declaração, o seu vínculo empregatício, para que pudessem se vacinar.

Segue na íntegra a nota explicativa da Infraero:

A Infraero esclarece:  

Desde 25/05/2021, quando o Ministério da Saúde anunciou a antecipação da vacinação contra a Covid-19 para trabalhadores portuários e do transporte aéreo, a Infraero, em alinhamento com os centros de imunização de estados e municípios e, de acordo com os critérios adotados por esses órgãos de saúde pública, envia a lista de pessoas credenciadas para trabalhar nos aeroportos ou com vínculo empregatício com empresas que prestam serviços nos seus terminais aeroportuários. 

Em toda sua rede própria de 43 aeroportos, mais cinco terminais sob contrato de gestão, a Infraero vem respeitando as legislações vigentes, encaminhando as listas das pessoas credenciadas aos centros de imunização, que são os responsáveis por definir critérios de vacinação e confirmar os dados dos trabalhadores. 

Só podem ser vacinadas aquelas pessoas mencionadas na lista e que comprovem ser trabalhadoras do transporte aéreo. Portanto, é inverídica a afirmação de que o responsável pela Infraero “teria enviado uma lista fraudulenta de pessoas que não se enquadram neste público”. 

Dessa forma, a Empresa solicita que seja publicado seu posicionamento a fim de se corrigir as informações.
Seta
Versão do Sistema: 3.1.5 - 04/10/2021
Copyright Instar - 2006-2021. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia