Ir para o conteúdo

Prefeitura de Divinópolis e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Divinópolis
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
17
17 NOV 2021
CULTURA
Compir e Mundi realizarão exposição sobre a história local da luta negra
Por ocasião do Dia Nacional da Consciência Negra, comemorada no sábado (20/11), a Prefeitura de Divinópolis convida a população a visitar a exposição do Conselho Municipal da promoção da Igualdade Racial (Compir) e do Movimento Negro de Divinópolis (Mundi), dedicada à história das lutas do povo negro no município.


A abertura da exposição acontecerá amanhã (18/11), às 17h, no hall de entrada do Centro Administrativo da Prefeitura de Divinópolis e poderá ser visitada até dia 30, de 8h às 18h.


Entre outros temas, os estandes expositivos contarão a história da Revolta da Chibata, chefiada por João Cândido Felisberto, o Almirante Negro. O dia 22 marcará o 111º aniversário de um dos mais espetaculares episódios da luta de classes do país.  “A rebelião deixou a República Velha de joelhos, mostrou a covardia da burguesia ‘progressista’ e que nada foi, é ou será conquistado pelo povo negro e trabalhador sem lutar”, disse a conselheira do Compir pelo segmento Mundi, Maria Catarina Vale, ativista e militante de educação étnico-racial.


Em 22 de novembro de 1910, milhares de marinheiros, em sua maioria negros, levantaram-se unificadamente contra a continuação do regime de escravidão na Marinha de Guerra Brasileira ‒ assim como na maioria da sociedade. O tipo de militares permitia o açoitamento e outros castigos físicos e até mesmo o fuzilamento de quem se insubordinar-se contra o oficialato 100 % branco e racista.


Dia da Consciência Negra

A morte de Zumbi dos Palmares faz 326 anos, e o Dia da Consciência Negra, 20 de novembro, celebra-se em todo o território nacional. A data foi escolhida porque foi o dia da morte do líder, que lutou contra a escravidão no Nordeste.

A festividade é recordação da importância de refletir sobre a posição dos negros na sociedade. As gerações de afro-brasileiros que se seguiram ao período da escravidão sofreram (e ainda sofrem) preconceito em vários níveis.
Seta
Versão do Sistema: 3.1.9 - 17/01/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia