Ir para o conteúdo

Prefeitura de Divinópolis e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Divinópolis
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
OUT
15
15 OUT 2013
Saúde finaliza plano de enfrentamento à Dengue
enviar para um amigo
receba notícias
A Secretaria Municipal de Sade (Semusa), por meio da Vigilncia em Sade, prepara o Plano Municipal de Contingncia e Enfrentamento Dengue 2013/2014. As novas aes previstas no documento, j em fase de finalizao, serviro de guia para os trabalhos de preveno ao avano da doena no municpio, com a chegada do prximo vero. O plano busca organizar, facilitar, orientar, agilizar e uniformizar as aes necessrias s respostas de controle e combate s ocorrncias da doena na cidade, segundo apontou o coordenador da Vigilncia Ambiental, Wanderson Teixeira de Freitas. J temos um plano de contingncia aplicado em outros anos. Este novo documento, revisado, ampliado e melhorado, ser apresentado oficialmente ao Conselho Municipal de Sade, Comit Gestor de Polticas de Enfrentamento e Combate Dengue, para envio e aprovao do Ministrio da Sade e consequente implantao no municpio, explicou Wanderson, informando ainda que o plano j deve ser apresentado no incio de novembro. Wanderson Teixeira, que tambm integra a Secretaria Executiva do Comit de Combate Dengue, explica que o Plano Municipal de Contingncia e Enfrentamento Dengue apresentar, para o Estado e para a sociedade civil organizada, um cronograma que discrimine a capacidade total instalada de atendimento populao e as aes nas situaes de risco. Ser apontado como o municpio atuar na preveno contra o mosquito da dengue, no controle vetorial, na assistncia populao, incluindo distribuio dos locais para realizao de exames, definio de laboratrio de referncia, apresentao das unidades de sade de atendimento, monitorar insumos e equipamentos estratgicos, e definio de formas de mobilizao da populao e dos atores sociais, enumerou. Para apresentao do Plano, revisado pelo colegiado da Vigilncia em Sade, devem participar representantes dos atores na elaborao do documento, alm de representantes do funcionalismo pblico municipal, foras de segurana pblica, instituies, rgos e entidades de classe e sociedade civil. Devemos agradecer queles que nos tm dado subsdio para reformulao do plano e queles que so imprescindveis nas aes, a exemplo de diversas Secretarias do municpio ligadas ao governo, meio ambiente, sade, educao, comunicao e lideranas comunitrias, alm da Promotoria de Justia, igrejas, sindicatos de classe, Acid, Acasp, e CDL, que devem, sempre, ser chamadas discusso, salientou. No entanto, nosso maior parceiro no enfrentamento desta doena ser sempre o cidado comum, que pode ajudar nas medidas preventivas para controle da doena, completou.
Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia