Ir para conteúdo principal
Mapa Topo
Bem Vindo Cidadão!
Divinópolis, 22 de março de 2019
Enfeite Menu Serviços

Ir para conteúdo

Prefeitura
Acompanhe-nos:
Facebook
Enfeite Unidades UNIDADE FISCAIS - Acompanhe o indíce
Unidades
UPFMD - Unidade Padrão Fiscal

R$ 74,51
ARQUIVOS PARA DOWNLOAD
Clique para efetuar o download
RESULTADO UPA...
- Efetuar Download
mapa da cidade...
- Efetuar Download
Notícias
Principal   Notícias
 

30/01/2019 às 16:50:00
Número de casos indica possível epidemia de dengue

O secretário municipal de Saúde, Amarildo de Sousa, confirmou, nesta quarta-feira (30/01), em uma entrevista coletiva, a indicação para uma epidemia de dengue neste ano, em Divinópolis. Dados apresentados apontam para uma evolução rápida de notificações da doença no município. Ações para tentar minimizar o avanço dos casos já começaram a ser realizadas pela equipe da Vigilância em Saúde.

Conforme o secretário, já foram notificados 28 casos da doença neste ano – o volume é semelhante aos anos com epidemia de dengue. “O comportamento desta quinta semana de monitoramento da equipe da Vigilância é parecido àquele dos anos em que a cidade teve epidemia. Estamos implementando ações para tentar conter os casos”, destacou o secretário.

Sousa destacou que a cidade está em alerta, e os proprietários de imóveis não poderão impedir a entrada dos agentes de saúde. “Há uma determinação do Ministério Público, e, por força de lei, os agentes podem entrar nesses imóveis. Caso o proprietário não os deixe entrar, teremos de chamar a polícia para os agentes entrarem”, afirmou.

A diretora de Vigilância em Saúde, Janice Soares, destacou a importância das denúncias da população para contribuir nos resultados. “O município tem dois canais para denunciar os focos de dengue: pelo telefone 3221-3722 e também pelo aplicativo da prefeitura. Contamos com a população para ajudar nesta luta contra o mosquito da dengue”, disse.

 

Ações

Uma das primeiras ações da Semusa é a retomada dos mutirões de limpeza. Todos os finais de semana, a equipe de Vigilância em Saúde vai percorrer os bairros da cidade recolhendo potenciais criadouros dos mosquitos.

Outra ação e duplicar a equipe de bloqueio. Atualmente são duas e, a partir de fevereiro, serão quatro. A equipe vai até o endereço informado e realiza ações de pulverização por bombas apropriadas de inseticida que age no mosquito. A pulverização tem uma ação pequena, quando considerado o tempo: menos de 12 horas.

O Dia D contra a dengue será antecipado para 16 de fevereiro. Geralmente é realizado em abril, mas, devido aos casos notificados em 2019, a Semusa vai adiantar a ação.

As ações de panfletagem nas ruas serão reforçadas, e também o plano de contingência de combate a dengue será acionado, além do comitê montado para desenvolver ações destinadas ao controle do vetor e reduzir a incidência dessas doenças.

Segundo a Diretoria de Vigilância em Saúde, a situação é grave, e todos precisam contribuir. “As pessoas relaxaram um pouco; é natural isso. Agora é necessário que as pessoas fiquem atentas, porque já temos internações. Todos precisam vigiar seus quintais”, disse.

De acordo com o último Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), 87% dos focos estão nas residências; e o restante, nos lotes.

 
 
 
 
Endereço Localização:
Rua: Pernambuco, nº 60 - Centro - Divinópolis / MG
CEP: 35500-008
Atendimento Horário de Funcionamento:
Atendimento de segunda a sexta, das 12:00 às 18:00 horas.
Logo Rodapé
Telefone para contato:
(37) 3229-6500
Seta
icone instar © Copyright Instar - 2006-2019. Todos os direitos reservados.